Radialista que era contra vacinação morre de dovid-19 no Ceará

O radialista Ubiracyauri Lopes Lemos, 58, conhecido popularmente como “Bibi Lemos”, morreu na manhã desta segunda-feira, 3, vítima de Covid-19 no município de Iguatu, a 361,4 quilômetros de Fortaleza. O comunicador, que se posicionava contra a vacinação da doença, estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital e Maternidade Dr. Agenor Araújo (HMAA), desde o dia 26 de dezembro.

Em uma publicação nas redes sociais, no último dia 26, o irmão do radialista, Iguaracy Lemos, destacou que o momento pedia orações para a saúde de Bibi Lemos, mas que também era oportunidade de ressaltar a indignação diante do negacionismo em relação à vacinação contra a Covid-19. “Não é fofoca, não é fake. É verdade! A verdade bate à porta… à porta de uma UTI. A conta chegou!!!”, destacou no post.

O radialista de Iguatu era contrário à vacinação contra a Covid-19. Em publicações no seu perfil do Facebook, Bibi Lemos se mostrava contra o passaporte da vacinação para a entrada em estabelecimentos, medida aplicada no Decreto Estadual de combate à pandemia, e da vacinação em crianças. Dentre os posts, o comunicador compartilhava críticas sobre a eficácia dos imunizantes utilizados na campanha de vacinação contra o coronavírus.

Bibi Lemos atuava na rádio Nova FM de Iguatu, onde apresentava de segunda-feira a sábado, das 15h às 17 horas, o programa “Forrozão”. Por meio das redes sociais, a rádio Nova FM emitiu uma nota de pesar pelo falecimento do comunicador. “A comunicação na região Centro-Sul perde um de seus maiores nomes. Neste momento de dor prestamos nossas condolências aos amigos e familiares”, dizia um trecho da nota.

No rádio de Iguatu, Bibi Lemos atuou na Rádio Jornal e Rádio Antena Sul. Em Fortaleza, o radialista trabalhou na Tropical FM de Fortaleza, em 2004. Nos últimos anos, o comunicador realizou trabalhos comerciais e de animação durante as campanhas eleitorais. Em 2021, ele retornou aos microfones de emissoras comandando as tardes da Rádio na Nova FM. As informações são do portal Mais FM.

Deixe uma resposta