Bolsonarista, enfermeira morre após recusar vacina e ser reinfectada pelo coronavírus – ITAPICURU FM 104,9

Bolsonarista, enfermeira morre após recusar vacina e ser reinfectada pelo coronavírus

A enfermeira alagoana, Priscila Veríssimo, de 35 anos, morreu na última quarta-feira (24), em Arapicara, após ter sido reinfectada pela Covid-19. Recentemente, ela havia sido demitida do Complexo Hospitalar Manoel Andre (CHAMA) depois de se recusar a tomar a dose da vacina CoronaVac, destinada aos profissionais da saúde.

Priscila, que já havia sido infectada pela doença uma vez, era apoiadora declarada do presidente Jair Bolsonaro e compartilhava frequentemente vídeos do presidente em suas redes sociais, inclusive com dúvidas quanto à eficácia da vacina chinesa. Priscila morreu e deixou um filho de 2 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *