Com todas as letras, eu acuso: Bolsonaro é um homicida – ITAPICURU FM 104,9

Com todas as letras, eu acuso: Bolsonaro é um homicida

Homicida é assim definido na língua nacional: adjetivo de dois gêneros; que acarreta ou pode acarretar a morte de muitas pessoas.

Ao incentivar aglomerações; guerrear contra isolamento social; espalhar notícias falsas sobre o uso de máscaras e, por fim, demonizar as vacinas, o presidente da República age como um verdadeiro homicida, e já deveria estar preso, preventivamente, por risco à ordem pública, ou, no mínimo, impedido de continuar sua cruzada suicida, seja através do impeachment ou seja por ordem judicial. O que não dá mais, definitivamente!, é permitir que esse lunático continue o livre exercício da apologia ao suicídio, que é o que ele faz há exatamente um ano no Brasil.

A conduta do verdugo do Planalto deixou de ser omissão há muito tempo. Bolsonaro investe, dia sim, dia também, na morte dos brasileiros. Por que o faz, já não importa. Se por ideologia ou ignorância; por psicopatia ou demência; por satisfação ou vingança; ou simples projeto de poder, tanto faz, como tanto fez. O fato é que, diante de 1.5 mil mortes e 50 mil novos casos a cada 24 horas, manter este bárbaro no Poder é assinar a sentença de morte de mais milhares de pessoas, já que as projeções não são nada animadoras. Ao contrário; são assustadoras.

Eu já clamei – não uma, não duas, mas dezenas de vezes – aos demais Poderes constituídos, para que deem um basta na conduta genocida deste marqueteiro da morte. Cerca de 20% ou 30% da população não só praticam, em maior ou menor grau, as atrocidades que o devoto da cloroquina prega, como reverberam tais sandices nas redes sociais e círculos íntimos. É uma espécie de ciclo da morte, onde um ensina, vários praticam, e outros replicam, disseminando a doença, o colapso hospitalar e os óbitos, indiscriminadamente, por todo o País. Já deu, pô!(https://www.msn.com/pt-br?pfr=1&inst=1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *