Bahia goleia o Melgar-PER e avança ás oitavas da Copa Sul-Americana – ITAPICURU FM 104,9

Bahia goleia o Melgar-PER e avança ás oitavas da Copa Sul-Americana

Após ter perdido a partida de ida para o Melgar por 1 a 0, no Peru, o Bahia precisava vencer ontem por, pelo menos, dois gols de diferença para avançar para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. E o Tricolor não contou conversa. Dominou as ações do jogo, não sofreu sustos, viu seu ataque ter uma noite de rara eficiência e atropelou o time peruano, na Fonte Nova, pelo placar de 4 a 0.

Avassalador, o Esquadrão só precisou de 45 minutos para resolver a parada. Marcou os quatro gols logo na primeira etapa, com Fessin, duas vezes, Gregore e Gilberto. Destaque para o meia Daniel, que deu três assistências. Atordoado, o Melgar não ameaçou Douglas.

Tranquilo no jogo, Mano Menezes resolveu poupar alguns atletas e tirou o pé do time do acelerador.

Nas oitavas da Sul-Americana, o Esquadrão vai encarar o Unión Santa Fé, da Argentina, que eliminou o Emelece, do Equador. A data do jogo ainda será definida.

O Tricolor volta a campo no domingo, às 18h15, quando encara o Botafogo, na Fonte Nova, em jogo válido pela 20ª rodada do Brasileirão.

A partida de ontem marcou a volta do Bahia à Fonte Nova após oito meses.

Atropelo e eficiência

Com a necessidade de vencer a partida por pelo menos dois gols de diferença para poder avançar de fase na Copa Sul-Americana, o Bahia partiu para cima do Melgar assim que o juiz apitou o início do jogo.

E o gol saiu logo na primeira chance real de gol. Aos 11 minutos, Juninho Capixaba cobrou escanteio, a bola passou por todo mundo e caiu nos pés do garoto Fessin, que chutou de canhota e abriu o placar para o Tricolor.

Sem tirar o pé do freio, Elias e Daniel tentaram ampliar em chutes de fora da área, mas foi de escanteio, mais uma vez, que o Esquadrão chegou ao segundo gol. Daniel cobrou com veneno, Gregore subiu com estilo, testou para baixo e aumentou o placar.

O time peruano só veio ameaçar o gol de Douglas aos 22 minutos. Após saída errada de Daniel, Joel Sánchez invadiu a área, mas foi travado por Nino na hora do chute.

O Bahia respondeu com mais dois gols. Aos 33, Fessin fez o segundo dele na partida. O atacante tabelou com Daniel, passou por dois dentro da área e bateu colocado, no alto, sem chance para Cáceda: 3 a 0. não perca a conta.

Menos de um minuto depois, em rápido contra-ataque, Daniel recebeu livre no círculo central, partiu em direção ao gol adversário e deu um belo passe para Gilberto. O camisa 9 bateu na saída do goleiro e marcou o quatro do Tricolor.

Com a classificação encaminhada e o placar elástico, Mano Menezes resolveu poupar alguns atletas, como Gilberto, já pensando no jogo de domingo contra o Botafogo.

O ímpeto não era o mesmo, mas o Tricolor seguiu buscando mais gols. Elias soltou uma bomba aos 10 minutos e quase fez o quinto.

Élber

Sem acordo para a renovação do contrato, Élber deixará o Bahia no dia 31 de dezembro, quando acaba o vínculo com o Tricolor, e seguirá rumo ao Japão, onde defenderá o Yokohama Marinos.

Pelo Bahia, Élber fez 142 partidas, marcou 17 gols e ganhou três títulos baianos.

Fora do jogo

Os jogadores Clayson, Edson e Matheus Bahia foram retirados dos relacionados para o jogo de ontem por terem violados o protocolo de combate à Covid-19, segundo informações da assessoria de imprensa do clube pouco antes do jogo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *