Aleluia é reconduzido por Bolsonaro ao conselho da Itaipu Binacional – ITAPICURU FM 104,9

Aleluia é reconduzido por Bolsonaro ao conselho da Itaipu Binacional

O ex-deputado federal José Carlos Aleluia (DEM) está entre os nomes reconduzidos pelo presidente Jair Bolsonaro ao conselho da Itapu Binacional, hidrelétrica que fica na fronteira com Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, e Cidade del Leste, no Paraguai.

Além do político baiano – cujo nome surgiu na delação da Odebrecht, em 2017 (veja mais detalhes) -, o presidente reconduziu ao cargo de conselheiro, entre outros, Carlos Marun, ex-ministro da Secretaria de Governo de Michel Temer. O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, passa a integrar, pela primeira vez, o quadro conselheiro da hidrelétrica.

As nomeações valem até maio de 2024 e foram publicadas em edição extra do Diário Oficial da União desta sexta-feira (15) e assinadas por Bolsonaro e pelo próprio ministro de Minas e Energia. As indicações podem estar ligadas aos partidos do chamado Centrão, bloco informal da Câmara dos Deputados que reúne parlamentares de legendas de direita e centro-direita. Nas últimas semanas, o presidente tem articulado aproximação com o grupo.

As negociações de Bolsonaro – assim como em outras gestões -, envolvem a distribuição de cargos aos partidos, que terão o direito de indicar aliados para as vagas.

Lava Jato

O nome do ex-deputado federal José Carlos Aleluia surgiu na delação da Odebrecht em 2017. Ele era suspeito de receber R$ 300 mil, via caixa 2, nas eleições de 2010, além da doação legal de R$ 280 mil nas eleições de 2014, segundo inquérito autorizado pelo ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato à época no Supremo Tribunal Federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *